sexta-feira, 23 de maio de 2014

E, então choveu !!!



Que venham todas as chuvas

Que nos molhem

Que revigorem os desejos

Que nos façam fêmeas

Fêmeas sedentas

Orvalhos sagrados

Energias lascivas

Prateadas ou douradas !!!





sexta-feira, 28 de março de 2014

Preguiça


Domingo, costuma ser o dia da preguiça. Eu, sinceramente, tenho sentido este estado de espírito, também, nos participantes do BDSM. Daí nem precisa ser domingo, basta um passeio pelas redes sociais e salas de bate-papo voltadas para o tema para depare-me e quase me contagiar com tal leseira….batendo na madeira já…uma, duas, três vezes.

A preguiça se instala nas mais diversas  ações do Doms, acho que até, involuntariamente, vejamos:

O gosto prazeroso por ensinar, mostrar os caminhos, oferecer segurança, brigar, castigar, ouvir, ditar as regras, ou seja, conduzir a Relação de acordo com suas vontades…..ihhhhh…..isso dá uma preguiça tremenda…..melhor deixar que a ‘submissa’ dite as normas e regras….enquanto isso, melhor se regojizar no prazer carnal e momentâneo nas famosas sessões avulsas.

Em contrapartida, lá vamos nos deparar com as novas ultra modernas, 'prafrentex' submissas do Best-Seller 50 tons….são tãooooo ‘feministas’(sem qualquer tipo de apologia), independentes, auto-suficientes, que só buscam um namoraDom ou mariDom para ‘dividir’ as despesas….acho que vi um quê de preguiça aí….

E quanto a  essência da submissão, mostrar-se desprendida, ofertar prazer, agradar, mimar o Dono, tudo isso, dá uma preguiça danada….opaaaa…fora toda a aversão em honrar  e ostentar, orgulhosamente, a coleira e, sobretudo proteger o nome junto ao seu…ser atenta aos gostos e prazeres do Outro, promover a paz no canil, nem pensar…é ploft é desmoronamento na hora. Ô  judiação!! É muito peso para a insubordinada nova submissa lidar….

Diante de tantas regras, normas, doações, atenções, pré-disposições e muitttassss responsabilidades de A/ambos os lados, acho que o mundo BDSM tá repleto do ‘pecado’ da preguiça….#achismosmeus

Eu?!?!?! Eu continuo seguindo meu ativo e pro-ativo modo de vivenciar as dolorosas delícias  da submissão….Xô preguiça!!!